sábado, 25 de abril de 2009

Vacas menos gasosas. É possível?


As indústrias de lacticínios dos EUA pretendem "configurar a vaca do futuro" que passará a produzir menores quantidades de gás metano, com o objetivo de reduz as emissões de gases de efeito estufa desse ramo em 25 % até 2020. O projeto visa reduzir a produção de metano no intestino do animal, por ser o maior componente da indústria de lacticínios na geração de carbono, disse Thomas Gallagher, diretor executivo de laticínios da U.S. Dairy Management Inc. Innovation Center.

Uma área a ser explorada é a modificação da alimentação para que, dessa forma, produzam menos metano. "Neste momento há um trabalho sendo feito com óleo de peixe e aditivos. A vaca é responsável pela maioria dos gases estufa da própria fazenda. Sabemos que há maneiras que possamos encontrar para cortar ou reduzir a produção desses gases" disse Rick Naczi, o líder da iniciativa.

Outra solução possível é a mudança dos microrganismos no intestino de vaca. "Você pode mudar a mistura de bactérias e alterar a maneira como o metano é produzido". Ele espera que a investigação desenvolva algumas soluções dentro de um ano.

Cortar as emissões da indústria de laticínios em 25%
seria equivalente à remoção de cerca de 1,25 milhões de veículos
de passageiros das estradas todos os anos, disse Gallagher.

Abaixo disponibilizamos um vídeo da série Animals Save the Planet que aborda, de maneira bem humorada, o tema da postagem.





FONTE: MsnBC. Cows that pass less gas? Researchers hope soAcessado em: abril 2009 Disponível em: http://www.msnbc.msn.com/id/30210066/

Um comentário:

Robson Fernando disse...

Algo muito mais praticável é simplesmente deixar de consumir alimentos de origem animal. Não precisamos "consertar" os animais nem manipular seu organismo pra salvarmos o meio ambiente. A solução é simplesmente parar de explorá-los.

 
Site Meter